3.9.21

Como Conhecer a Santa Igreja

Quando alguém pergunta sobre como poderia conhecer melhor a Santa Igreja, certamente o primeiro ímpeto é falar, tentar dar uma noção geral, embora o principal livro doutrinal tenha cerca de oitocentas páginas, sento um volume muito extenso, inclusive para sofrer qualquer resumo de última hora.
Vista de Roma pelo Tiber
William Marlow. Vista de Roma pelo Tiber.
1. Talvez a primeira dica seja realmente indicar a presença numa paróquia, apresentar a pessoa ao sacerdote ou mesmo indicar um catequista para iniciar os estudos. Verdade que conhecer a Santa Igreja requer uma vivência, uma experiência, uma comunhão. Todavia, algumas pessoas podem estar brechando pelo buraco da fechadura, observando pela janela ou mesmo paquerando de longe, motivo pelo qual existem sim recomendações que atendam a inicial procura.

2. Mesmo para membros batizados e confirmados, o Catecismo da Igreja Católica é bibliografia indispensável. Certamente o volume assusta, mas não possui uma linguagem difícil. Pelo contrário! Nele, todos os ensinamentos estão presentes, devidamente separados e caprichosamente redigidos para proporcionar a melhor experiencia de aprendizado, incluindo resumos que auxiliam a fixação das informações pelo leitor. Uma obra muito bem-feita para durar.

3. Depois de realizada uma leitura completa do “livro amarelo”, poderá o leitor recapitular todas as informações através do Compêndio do Catecismo da Igreja Católica, elaborado sob forma de questões, elaboradas no intuito de facilitar o acesso a esclarecimentos para dúvidas mais corriqueiras.

4. Existem algumas polêmicas descabidas em torno da validade do Catecismo da Igreja Católica, quando grupos reacionários tendenciam o laicato a crenças limitantes a respeito dos catecismos originados anteriormente ao “livro amarelo”. Para isso, certamente o vídeo a seguir consegue dirimir toda confusão implantada:
5. Ao final da leitura do Catecismo da Igreja Católica, incluindo seu compêndio, significa imaginar que, por exemplo, poderá o leitor acreditar que conhece a promessa de Jesus Cristo? Evidentemente que não. Além disso, apesar da ler ser de grande valor, pouco quer dizer em termos de compreensão permanecendo apenas na experiência literária, faltando-lhe, desta forma, absolutamente tudo, uma vez que não existe Igreja Católica resumida ao intelecto. Neste ponto, realente, somente a intelectualidade não contribuirá para conseguir o acesso a Deus, sendo necessária a frequência nas missas, assim como a incorporação cotidiana das práticas cristãs.

6. Também é necessário perceber o andamento secular da Igreja Católica através dos documentos oficiais emitidos pelo Sumo Pontífice. As encíclicas são comunicações papais direcionadas a todos os membros da Santa Igreja, sejam parte da hierarquia (presbíteros, bispos, arcebispos etc.) ou fiéis do laicato, contendo ponderações e orientações mais contextualizadas aos católicos, principalmente sobre a contemporaneidade do mundo. Somente o Papa Francisco já emitiu três destas.

7. Dúvidas a respeito das regras que permeiam o catolicismo estão contidas no Código de Direito Canônico, sendo uma ferramenta necessária de consulta periódica, valendo lembrar que sua utilidade depende de conhecimento jurídico para correta apreciação normativa, embora as regras sejam muito claras.
8. Mas por qual motivo a Bíblia não deveria ser o primeiro conjunto de livros a ser apreciado por quem está querendo se aproximar da Santa Igreja? Existe uma explicação incrivelmente breve: toda Bíblia que carrega o Novo Testamento, ou seja, os evangelhos, as cartas, as histórias, somente passou a existir séculos depois da Páscoa de Jesus Cristo. Portanto, embora sua leitura seja obrigatória aos católicos, antes está a própria Igreja Católica, pois esta é a promessa de Nosso Senhor.

9. Depois dessas leituras, todo católico precisa continuar procurando por referências bibliográficas que possam auxiliar no crescimento espiritual. Porém, sendo o leitor alguém em processo de conversão, recomenda-se obras bem fáceis de encontrar, principalmente em formato digital, tais quais: Todos os Caminhos Levam a Roma, de Scott Hahn; Introdução ao Cristianismo, de Joseph Ratzinger (Papa Bento XVI); Imitação de Cristo, de Tomás de Kempis.
    Para referenciar esta postagem:
ROCHA, Pedro. Como Conhecer a Santa Igreja. Enquirídio. Maceió, 03 set. 2021. Disponível em: https://www.enquiridio.com/2021/09/como-conhecer-a-santa-igreja.html. Acesso em: dd m. aaaa.

Postar um comentário

Botão do WhatsApp compatível apenas em dispositivos móveis

Digite sua pesquisa abaixo