Monja Coen: Comunista ou Budista?

Sidarta Gautama, Buda, legou à humanidade cinco preceitos muito simples de serem seguidos, principalmente por monges ordenados: a) não matar; b) não roubar; c) não mentir; d) não ter má conduta sexual; e) não se entorpecer com álcool ou droga. Karl Marx, comunista, responsável por conduzir ideologicamente os regimes russo, chinês, vietnamita, norte-coreano, cambojano, leste-europeu, latino-americano, africano e afegão a aniquilarem aproximadamente 150 milhões de pessoas do mundo, certamente não poderia ser budista. Monja Coen parece discordar.
Continuar Lendo

Transformando o Vilão em Herói

Tornar o vilão em herói é a principal ocupação das mentalidades subversivas que possuem acesso, direta ou indiretamente, quase irrestritamente aos mecanismos para propagação ideológica. Desta forma, relativizam conceitos essenciais que consolidam as perspectivas éticas e morais da conduta humana e generalizam as exceções, porém, quando convenientes à pseudo-causa que tanto buscam sustentar, embora apenas estejam dividindo e conquistando sistematicamente a Nação aos pressupostos da tirania e totalitarismo do comunismo.
Continuar Lendo

Islamismo & Comunismo Ltda

Verdade seja dita: este Enquirídio iniciou uma série de postagens sobre o Abismo Entre Religiões (link, link) sem contextualizar o grave problema existente no Brasil envolvendo interesses políticos de caráter socialista ou comunista através do fundamentalismo islâmico. Aliás, notório por aqueles que acompanham a política atual com maior profundidade em termos de subversão de valores e implementação de ideologias. Parece próprio, principalmente neste instante, tecer algumas breves considerações acerca desta fusão entre estas duas "empresas".
Continuar Lendo

Jesus Beligerante

Incontáveis são aqueles que incompreendem as analogias messiânicas, caindo fatalmente em contradições pelas armadilhas retóricas, armadas por seguidores de religiões diversas, principalmente por parte do judaísmo e protestantismo. Quando questionam Jesus pelas árduas palavras proferidas na instrução dos apóstolos sobre suas missões, interpretando literalmente a espada que trouxera ao invés da paz profetizada, agarram aquilo que apenas conhecem: materialismo. Qualquer outra interpretação lhes escapam ao raciocínio, embora as chaves estejam nos próprios Evangelhos.
Continuar Lendo

Adelio Bispo e a Insanidade Marxista

Igualmente a outras postagens como A Literal Queda de Um Ministro e A Pressa de Chapecó, acredita este Enquirídio poder contribuir com reflexões circunstanciais, talvez muito mais úteis como memórias ao futuro pátrio. Ontem, 06.07.18, compatriotas brasileiros acompanharam a ruína mental de Adelio Bispo de Oliveira, autor do atentado contra Jair Messias Bolsonaro, candidato a presidência da República Federativa do Brasil, vitimado com uma perfuração na região do estômago enquanto fazia passeata política junto a população na cidade de Juiz de Fora, localizada no estado de Minas Gerais.
Continuar Lendo

Considerações Sobre Tarô - Parte I

Tendo sobrevivido ao tempo, cerca de 500 anos desde seu surgimento na Europa, sobretudo perante as diversas adaptações culturais, ainda assim o Tarô sofre repulsa, sendo, antes de estudado, repudiado por seu caráter oracular. Nesta postagem serão apresentadas algumas breves e introdutórias considerações sobre este sistema de cartas, incluindo suas principais indicações, expondo algumas advertências acerca do controvertido método adivinhatório utilizado por alguns tarotistas, embora não signifique necessariamente em invalidação.
Continuar Lendo

Eneagrama como Instrumento Psicológico?

Decorrente da saturação do mercado de trabalho e somada ao imediatismo na obtenção de resultados, determinados psicólogos encontraram uma maneira de reinventarem seus ofícios. Enquanto alguns tentam tangenciar os aspectos mentais através da matemática, reduzindo sentimentos e experiências em equações meramente numéricas, outros simplesmente tetam adaptar alguns conhecimentos antigos aos padrões aparentemente científicos para vendê-los como novidade, embora apenas estejam se apropriando indevidamente daquilo que certa vez condenaram.
Continuar Lendo

Candidatos Ruins, Eleitores Piores

Maior parte da população brasileira estará exercendo o sufrágio em outubro, porém, pouco compreendendo o significado deste termo. Igualmente, quase nada sabem a respeito de sistemas políticos, incluindo a diferença básica entre Estado e governo. Também não conseguem entender que propostas e promessas se baseiam em indícios de consistência, estando esta vinculada necessariamente à possibilidade jurídica, econômica, geográfica etc. Além disso, ainda confiam na mídia como principal fonte de (in)formação, apesar do acesso facilitado dos fatos pela internet.
Continuar Lendo

Abismo Entre Religiões - Parte II

Quando este Enquirídio iniciou sua série reflexiva em Abismo Entre Religiões - Parte I, ressaltou inicialmente a concordância entre algumas escrituras religiosas. Seguindo a mesma proposta, nesta postagem serão apresentados indícios acerca de questões que parecem ser fortemente evitadas no âmbito mundial, sobretudo quando relacionadas ao sionismo, terminologia utilizada ulteriormente na história para designar determinada corrente ideológica presente no judaísmo, identificada nos próprios evangelhos e adiante pelos muçulmanos em algumas passagens do Corão.
Continuar Lendo

Ordens Iniciáticas Falsas

Certas pessoas possuem nítida inclinação para assuntos de restrita circulação como misticismo, esoterismo, ocultismo etc. Interessados nestes assuntos geralmente buscam Escolas Iniciáticas para desenvolverem seus estudos com auxílio e tradicionalidade. Neste sentido, terminam encontrando principalmente pela internet instituições puramente virtuais, muitas destas claramente duvidosas, inclusive quando prometem gratuidade ao acesso do conhecimento, sendo, portanto, verdadeiras armadilhas.
Continuar Lendo

Ameaça Judaica ao Cristianismo Via Protestantismo

Recentemente - talvez alguns leitores não compreendam de início - ficou evidente que algumas igrejas protestantes estão tentando se aproximar do judaísmo, adotando costumes, ostentando símbolos e introduzindo vocábulos daquela cultura no Brasil. Entretanto, apesar do já preocupante movimento de conversão, parece que muitas destas orientações cristãs não utilizam os ensinamentos do Novo Testamento, levando em consideração apenas o Antigo Testamento. Pareceria um nítido e redundante protesto ao catolicismo se também não incomodasse outros evangélicos.
Continuar Lendo

Veganismo Enlatado

Imagine que você esteja completamente isolado em determinado lugar, sendo impossível o acesso aos recursos alimentícios convencionais do mundo moderno. Contudo, naquele mesmo ambiente de isolamento está seu animal de estimação igualmente faminto. Restaria, portanto, observar o desdobramento daquela situação com algumas indagações. Dentre tantas, certamente uma parece persistir no imaginário das pessoas: quem comeria quem? Então, sobrevivência seria estímulo suficiente para excluir sentimentos afetivos sobre aquela criatura?
Continuar Lendo

Neuro-blindagem Judaica

Depois dos eventos da Segunda Guerra Mundial, praticamente todas as pessoas educadas no ocidente a partir da década de cinquenta passaram a receber informações massivas sobre o terror imposto aos judeus (enquanto povo autoproclamado) pelo Nazismo, sobretudo nos campos de concentração. Injustiças certamente não são passíveis de relativizações, sendo justo que condutas opressoras sejam paradoxalmente combatidas (combater, direta ou indiretamente, pressupõe oprimir) no intuito único de serem evitadas quaisquer circunstâncias que representem opressão, correto?
Continuar Lendo

O Cesto de Moisés: Cópia ou Coincidência?

Certamente, quase todas as pessoas que seguem as tradições judaica e cristã já ouviram e leram sobre a história de Moisés nas primeiras passagens do Êxodo, quando foi abandonado ainda nos primeiros meses de vida pela sua própria mãe numa arca, deixado à margem do rio para ser encontrado pela filha do faraó. História que possui suas razões face supostas atrocidades contra meninos nascidos naquela época. Entretanto, narrativa muito semelhante já havia sido registrada anteriormente noutro tempo e espaço.
Continuar Lendo

Superpopulação: Fato ou Ficção?

Aumento populacional implicaria na ampliação da produção ao crescimento do consumo para maximização do lucro industrial. Contudo, produzir com economia dispensa o emprego humano na adoção de maquinários. Decaindo o número de assalariados, despenca também a quantidade de venda. Disto, empresas elevam os preços das produções para continuarem na ascensão lucrativa. Visando setorizarem a demanda, investem na tecnologia como principal negócio, gerando um mercado extremamente sofisticado. Quais as consequências disto?
Continuar Lendo

Dualidade Política Ficcional no Brasil

Atualmente no Brasil, parece que qualquer coisa precisa necessariamente estar associada a posicionamentos políticos, mesmo assim, havendo apenas duas grandes orientações: direta e esquerda. Perguntando sobre o significado destas direções ao cidadão comum, aquele que assiste televisão e assina jornal ou revista, muito provavelmente será percebido a vinculação de diversos símbolos para montar a estrutura daquilo que deveria representar seu imaginário, relacionando substratos dos meios de comunicação de massa como evidências.
Continuar Lendo

Nenhuma Igreja Segue os Mandamentos

Adverte este Enquirídio não possuir intenções contrárias ou favoráveis aos segmentos religiosos, senão no sentido de revelar a verdade ocultada pelas diversas instituições que aproveitam a ingenuidade da crença popular para incutir nos seguidores suas próprias verdades, contrariando as próprias escrituras, sagradas por conterem testemunhos que remontam a história da humanidade. Visando provar as incoerências institucionais, tomar-se-á adiante o catolicismo como exemplo primário, requerendo atenção apenas num único detalhe controverso, presente na interpretação dos Dez Mandamentos.
Continuar Lendo

Deus é Poliglota?

Alguns leitores perguntaram recentemente ao Enquirídio, através do endereço eletrônico enquiridio@protonmail.com, sobre o idioma divino. Pergunta bem colocada, levando em consideração os vários povos do mundo que foram subdivididos por questões culturais, incluindo evidentemente a maneira de se comunicarem. Enquanto uns pronunciam "God", outros dizem "Allah" ou "Elohim", gerando uma dúvida única: Deus é poliglota? Ironicamente, jamais alguém atingirá tal metafísica tentando pronunciar ou embutir conceitos numa palavra cuja imagem acústica somente revelará diferenças pessoais.
Continuar Lendo

Abismo Entre Religiões - Parte I

Metade do mundo segue o cristianismo e o islamismo como sistemas religiosos, porém, olvidando os verdadeiros ensinamentos por não manter o diálogo necessário à compreensão das escrituras que são concordantes em diversos sentidos. Naquilo que discordam, apesar de verdadeiramente inclinadas aos desígnios de Deus, Alá ou Adonai, esquecem o respeito pela diferença que justifica a individualidade e arbítrio, apesar da interconexão pela mesma fonte regente. Talvez esta seja apenas uma primeira postagem sobre o abismo entre as religiões.
Continuar Lendo

Sexo Vende, Porém...

Maioria dos filmes e séries no mundo contemporâneo, apesar da avançada tecnologia para gravação e reprodução, incluindo inúmeras possibilidades de efeitos visuais, parecem regredir aos primórdios da televisão, principalmente brasileira, quando utiliza apelos meramente sexuais para entreter seu público, mantendo sua fixação com estímulos primitivos, talvez baseados nas regiões mais irracionais do encéfalo. Investimentos milionários como produções em Hollywood possuem objetivos escusos, sendo a sexualização uma abordagem extremamente lucrativa.
Continuar Lendo