Esoterismo: Por Onde Começar?

Esoterismo é a observação filosófica dos princípios herméticos da natureza universal. Assim sendo, compreender determinados aspectos intrínsecos e extrínsecos, ou seja, interiores e exteriores, requer o domínio de conhecimentos inicialmente complexos pela perspectiva neófita, daquele que inicia sua busca pela sabedoria. Entretanto, estas informações ocultadas sabiamente pelos mestres do passado possuem chaves para serem aprendidas. Nem todos conseguem atingir a dimensão dos ensinamentos, mas isto geralmente por ausência de instruções.

A Epítome Ontológica Universal
Antigamente, todos esses mistérios somente eram transmitidos ao iniciados oralmente pelas grandes escolas iniciáticas. Atualmente, o conhecimento, seja ele "científico" ou "místico" (as aspas, em ambos os casos, serão explicadas futuramente, noutra publicação), ainda continua sendo transmitido nos colégios, mas isto não impede que você possa ter acesso aos seus conteúdos de maneira independente. Por exemplo, não é necessário se submeter ao curso de física, em nível acadêmico, para nutrir interesse e pesquisar sobre suas teorias. É certo que balizas serão necessárias para que os conceitos possam ser plenamente percebidos, mas na multiplicidade cotidiana, encontrar pessoas habilitadas para tanto não é uma tarefa difícil. Desta forma, o que somente os iniciados das universidades sabiam, agora pode ser acessado por qualquer pessoal, sendo o método mais fácil e infalível a pesquisa literária. Quase tudo que um dia se resumia a transmissão oral, hoje se encontra disponível em livros, inclusive em diversos idiomas - e antes que alguém possa pensar que para entender as expressões destes instrumentos à sabedoria é preciso ser um autodidata, esteja certo que ista percepção equivocada é tão somente autolimitante, motivo pelo qual deverá, para o seu bem, ser rejeitada. Imagine que aquilo que Galileu ou Newton sabiam pode ser assimilado através de palavras em meros pedaços de papéis. Extrair da matéria o imaterial é uma experiência singular, cuja essência somente poderá ser captada por aqueles que leem e entendem o que está escrito. É um processo dominado pelo tempo, sendo esta a única didática realmente comprovada.

Não se adquire conhecimento da noite pro dia. Captar a essência das coisas demanda muito tempo e a menos que você tenha paciência, esta continuará hermeticamente velada. Portanto, inexistia outra forma de explicar a importância da assimilação temporal no processo de aprendizado do esoterismo senão através desta breve introdução. Há inúmeros gurus, mestres e sacerdotes atraindo compradores para suas poções mágicas de sabedoria instantânea. É um erro que desmerece aprofundamentos (ao menos agora), pois cada um é o senhor do seu próprio universo. Contudo, ninguém nasce sabendo desta grande premissa e, infelizmente, alguns abandonam a vida material sem conhecerem os planos imateriais. Outros demoram a demonstrar interesses por tais assuntos - e por isto é muito mais comum as ordens iniciáticas possuírem mais senhores do que jovens (apesar disto gradativamente estar mudando). Se você chegou até aqui, é porque seu interesse acerca destes temas é latente demais para ser contido. Os aspectos invisíveis que permeiam essas reações poderão ser desvendadas posteriormente, pois, inicialmente, precisa-se-á de ferramentas para a obtenção destas informações herméticas.

Dentre estas ferramentas, por assim dizer, indica-se as mais introdutórias aos assuntos esotéricos. Embora o conteúdo faça parte de uma introdução, isto não significa dizer que a essência da coisa não esteja lá. Alguns precisam de mais explicações; outros não. De toda forma, as melhores literaturas para se autoiniciar na senda dos mistérios supremos restarão elencados logo a seguir. É uma bibliografia acessível, tanto em termos de acervo quanto monetariamente (e há versões digitais), que garantem uma leitura fluida e descomplicada, ao menos na na maior parte do tempo.
Esta obra é de suma importância aos estudos herméticos dentro do contexto esotérico, pois introduz basicamente todos os princípios que ao longo do tempo deverão ser assimilados para se prosseguir na senda deste conhecimento. Há quem diga que Hermes foi uma figura mitológica, outros que ele realmente existiu entre ali e acolá num espaço de tempo. Ao certo, importa o conteúdo legado à sabedoria humana pelos Três Iniciados, autores inomináveis deste pequeno compêndio de informações, chaves para que novas portas possam ser abertas.
No ocidente, maioria das pessoas que se iniciam nesta senda esotérica acabam lidando tão somente com a prática do misticismo proveniente do Egito, Grécia, Europa Medieval e derivações maçônicas e rosacruzes. Contudo, muito deste conhecimento aflorou no oriente, motivo pelo qual deixar de conhecer esta vertente somente dificultará a compreensão, principalmente dos princípios mais intrínsecos do ser humano. Esta singela obra de Hsing Yün aborda conceitos extremamente pertinentes, com o poder de expandir o horizonte às possibilidades.
Ainda na esfera dos conhecimentos orientais, existem duas obras bem didáticas, simples, porém muito esclarecedores escritas por um sacerdote taoista no Brasil. Wu Jyh Cherng busca explicar, através do discurso transcrito, conceitos pertinentes ao Tao, algo que soa mais para onipotência, onipresença e onisciência no ocidente. Nos dois volumes (bem fininhos), o autoiniciado compreenderá, ao menos basicamente, concepções milenares, que doutra forma se relacionam - e muito bem - com o esoterismo ocidental.
Retornando ao ocidente, existem inúmeras literaturas sobre a sagrada arte da alquimia medieval, mas dentre as mais introdutórias, esta se destaca pela maneira como questões complexas são didaticamente tratadas. Brian Cotnoir expõe com facilidade processos de transmutação que não são - de modo algum - perceptíveis sem a devida cautela e conhecimento à este tipo de abordagem. Compreender a alquimia envolve experiencias intrínsecas, assim como no Budismo, Taoismo e Yoga. Em suma, é um excelente ponto de partida.
Certamente você já ouviu falar em chacras, ou pontos específicos do corpo humano que possuem características esotéricas que precisam ser compreendidas à fluidez vital. Dentre vários livros sobre o assunto, pode-se iniciar uma ótima leitura através das propostas de Harish Johari, pois se trata de uma obra um tanto resumida, porém bastante explicativa. Aliás, neste ponto, qualquer obra literária pode ser ponto de partida ou derradeira opção - vai depender bastante do nível de conhecimento do iniciado, que deverá estar sempre aberto para novidades.
Por fim (ao menos nesta pequena lista - que futuramente poderá ser ampliada), dentre todos os livros sobre a Cabala, este poderá ser lido completamente num pequeno trecho de uma tarde, motivo pelo qual deve ser muito interessante aos que pouco leem ou ainda possuem dificuldade com leituras extensas. Maggy Whitehouse expõe em sua obra os principais conceitos e aplicabilidades desta preciosa ferramenta ao conhecimento esotérico. Assim como os demais, ao concluir seu estudo, o iniciado precisará certamente se aprofundar, bastante este como um bom início.

4 comentários:

  1. Boa noite! Gostei muito desse apoio no início do caminho. Isso é de grande ajuda mesmo. Mas, se não for mais um incômodo, poderia nos passar os links dos respectivos livros para download? Realmente não consegui alguns deles,estou buscando pela web ainda. Agradeço desde já, e obrigado pelo excelente trabalho! Grato!

    ResponderExcluir
  2. Saudações,
    Dominik Alexsander.

    Certamente, somente O Caibalion está disponível para download. Contudo, todas as dicas possuem preços acessíveis, motivo pelo qual os títulos destacados na postagem agora estão funcionando como links para as principais ofertas na Amazon. Numa segunda edição desta publicação, outras sugestões serão acrescentadas, incluindo, possivelmente, os arquivos para serem baixados.

    Gratidão pelo comentário,
    Com votos de Paz Profunda,

    Enquirídio
    A Epítome Ontológica Universal
    www.enquiridio.org

    ResponderExcluir

  3. Very nice article, totally what I wanted to find. msn hotmail sign in

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Greetings,
      Melony Fisher.

      It is very satisfying to know that this post was useful to you. Count on this Enquirídio in what you need.

      Gratitude for the comment,
      With votes of Deep Peace,

      Enquirídio
      A Epítome Ontológica Universal
      www.enquiridio.org

      Excluir